PUBLICIDADE

Morre Esquerdinha, ídolo do Jacuipense na década de 1990


Na quarta-feira, o ex-jogador Esquerdinha, meio-campista que defendeu o Jacuipense na década de 1990, morreu na tarde desta sexta-feira (31), na cidade de Feira de Santana. Após ser encontrado em estado debilitado, ele foi internado na Policlínica do bairro George Américo, onde permaneceu aguardando regulação para ser transferido para o Clériston Andrade.
Contudo, conforme adiantou a enfermeira Dinorá Campos, conselheira do Fluminense de Feira, o estado de saúde do ex-jogador era grave. “Ele está entubado e respirando por aparelhos”, disse Dinorá, em entrevista ao repórter Mario Amaral, da Rádio Jacuipe, na quarta-feira.
Esquerdinha foi o ‘camisa 10’ do Jacuipense no fantástico time do inicio da década de 1990, época em que a equipe chegou a disputar a decisão de um turno do Campeonato Baiano, contra o Fluminense de Feira, onde o jogador havia começado a sua carreira profissional. Após tomar conhecimento da morte do ex-jogador, a diretoria do Touro do Sertão divulgou a seguinte nota no seu site. Veja:
A família tricolor está de luto: faleceu no começo da tarde de hoje. Eduardo Oliveira Silva Moreira, o Esquerdinha, como era conhecido no mundo do futebol morreu em decorrência de complicações no seu quadro de saúde, que fora agravado nos últimos dias. 
Esquerdinha surgiu no futebol em meados da década de 80, se firmando no Fluminense entre 1987 e 1991, quando chegou a integrar o elenco nas memoráveis campanhas que renderam os vice-campeonatos estaduais de 1990 e 1991. Além do Fluminense, ele jogou no Jacuipense, União Palmares/AL e no Barreiras, quando já estava encerrando a carreira no começo dos anos 2000. O dinheiro que ganhou no futebol chegou a construir uma casa, mas depois da separação com a mulher perdeu e passou a viver uma situação complicada onde às vezes não tinha o que comer. O quadro dele se complicou por conta de diabetes e pressão alta. 
 O quadro do ex-jogador se complicou a pode de ser internado em uma policlínica na semana passada. Algumas ações estavam sendo desenvolvidas para arrecadar donativos, além  de fraldas geriátricas e inclusive no domingo (2) aconteceria um baba, onde haveria mais arrecadações. Neste momento a direção e a torcida do Fluminense de Feira se solidarizam com amigos e parentes de Esquerdinha, que marcou época no Touro do Sertão. 

Fonte: Interior da Bahia

Morre Esquerdinha, ídolo do Jacuipense na década de 1990 Morre Esquerdinha, ídolo do Jacuipense na década de 1990 Reviewed by VR14 on 20:02 Rating: 5

Destaque

Muita tradição e fé na Semana Santa em Mairi