PUBLICIDADE

Pintadense aposta na produção de silagem para enfrentar os períodos de seca



O Pintadadense Gervásio Nunes está apostando na produção de silagem para enfrentar os períodos de estiagem que cada vez ficam mais extensos no sertão nordestino. E para isso ele realizou em sua propriedade, a fazenda Contendas, a plantação de milho  em 3 tarefas, equivalente a 13.068 metros quadrados.


Na produção de silagem, a planta e grãos são triturados em um motor para serem armazenados por um período de 3 a 5 anos e ofertados como alimento aos animais no período de estiagem. 


Recentemente Gervasio realizou um mutirão  para a produção do primeiro silo, onde foi extraído o milho de 1 tarefa, conseguindo obter aproximadamente 6 toneladas de ração.

“Nós passamos por um período de seca e agora veio a chuva que ninguém esperava, então porque não plantar o milho ou capim para fazer o feno ou uma silagem como nós fizemos aqui, para guardarmos e quando chegar o sol ter alimentação para os animais. E nós aconselhamos os amigos produtores rurais a trabalhar diferente,  bu
scando ter mais aguadas e pequenas irrigações para produzir alimentos”. Disse Gervasio. 


 Veja as fotos do mutirão


 










Da redação do VR14
Jorge Henrique
Pintadense aposta na produção de silagem para enfrentar os períodos de seca Pintadense aposta na produção de silagem para enfrentar os períodos de seca Reviewed by VR14 on 21:40 Rating: 5

Destaque

Muita tradição e fé na Semana Santa em Mairi