PUBLICIDADE

“Ações do governo Rui na saúde trazem avanços importantes para os baianos”, afirma Neusa

Todos os dias a população brasileira sofre com a qualidade do Sistema Único de Saúde (SUS). Entre os fatores destacam-se a falta de novos investimentos, má gestão, corrupção e também corte de recursos a partir do congelamento dos gastos promovido pelo governo Temer. Para a deputada estadual Neusa Cadore (PT), na Bahia, mesmo com todas as dificuldades da crise econômica que afeta os estados, o governo estadual está conseguindo manter investimentos e mudar a realidade da saúde pública.

“O governador Rui Costa está dando um verdadeiro exemplo de compromisso com a saúde da população. Sabemos que muito ainda precisa ser feito, mas as ações do governo Rui na saúde trazem avanços importantes para os baianos”, destaca a deputada Neusa ao se referir aos investimentos do governo que têm possibilitado a ampliação do acesso e da cobertura do SUS na Bahia, além da melhoria da assistência e do cuidado.
 
Foram abertos 661 leitos no período de 2015 e a setembro de 2017 em toda Bahia, além de investir mais de R$ 600 milhões no fortalecimento do SUS no estado. Novas unidades também foram ou estão em construção, entre elas o HGE 2, o Hospital da Mulher, o Hospital Geral Roberto Santos (obras nas UTIs pediátrica e neurológica) e a nova unidade de hemodinâmica. Há ações também no Hospital Eládio Lasserre (ampliação da UTI e reforma do Centro Cirúrgico), no Hospital Ernesto Simões Filho (Reformas e Ampliação), além de recursos para a construção do Hospital Metropolitano, para a reforma da Unidade de Emergência de Pirajá e 11 novos centros de bioimagem em todo o estado.

Há ainda investimentos para construção da UPA de Feira de Santana, da UPA de Vitória da Conquista, do Hospital da Chapada, do Hospital da Costa do Cacau, da nova sede da Escola de Saúde Pública da Bahia, além de recursos para a Maternidade João Batista Caribé, para o futuro Centro de Hemodiálise, para o hemocentro de Barreiras, para a Bahiafarma (Reforma e Ampliação), para a reforma da Emergência do Hospital Geral de Vitória da Conquista, para readequação da Maternidade do Hospital Estadual da Criança e para as Upas de Barreiras e Jaquié, entre outros investimentos.  


Consórcios de Saúde e Policlínicas

Ao todo foram formados 11 Consórcios de Saúde, nove Regiões de Saúde estão em fase de discussão. Quatro policlínicas estão concluídas nos municípios de Teixeira de Freitas, Jequié, Guanambi e Irecê, sendo que algumas delas já foram entregues e estão funcionando. Além disso, há mais quatro policlínicas em construção nas cidades de Valença, Santo Antônio de Jesus, Feira de Santana e Alagoinhas. Municípios como Ribeira do Pombal e Brumado terão seus hospitais ampliados para policlínicas.

As policlínicas fazem parte dos Consórcios Públicos de Saúde, iniciativa do Governo da Bahia para regionalizar a prestação de serviço de alta qualidade em saúde para a população do interior baiano, evitando, com isso, que os pacientes se desloquem para os grandes centros em busca desses serviços.

As obras e os equipamentos foram custeados com recursos financeiros do Governo do Estado, enquanto a manutenção mensal ocorrerá da seguinte forma: 40% para o Estado e os 60% restantes divididos entre os municípios consorciados. As novas unidades de saúde vão oferecer consultas em até 18 especialidades diferentes para cerca de 2 milhões de baianos.


“Ações do governo Rui na saúde trazem avanços importantes para os baianos”, afirma Neusa “Ações do governo Rui na saúde trazem avanços importantes para os baianos”, afirma Neusa Reviewed by VR14 on 11:23 Rating: 5

Destaque

Muita tradição e fé na Semana Santa em Mairi