PUBLICIDADE

Fé e Tradição marca a “Sexta-feira Santa” em Baixa Grande



Assim como ocorre todos os anos, nas primeiras horas do dia da “Sexta-feira Santa” centenas de fiéis católicos saem em procissão da Igreja Matriz localizado a Praça Manoel Ribeiro Soares até a capela no Monte do Cruzeiro de onde realizam a celebração da Paixão de Cristo.

 A subida conta com a via sacra tendo 15 paradas lembrando as 15 estações para rezar e lembrar o caminho de Jesus para o Calvário, e ao chegar ao monte muito dão sete volta na capela e encerra com o ato de acender velas próximo ao santuário.
Tésio Soares veio com sua família e disse ser costume anualmente fazer este ato de subir ao monte, orar e agradecer a Deus. Ele criticou o comportamento de alguns que usam os dias santos para realizar festa, que segundo ele levanta indignação de muitos.
Além do monte do Cruzeiro muito vão ao cemitério visitar os túmulos e acender vela para os entes queridos. Para Vanderlei Dias nem só na "sexta-feira santa" é dia de visitar os mortos, tornando um dever de seus parentes fazer esse ato de visita aos entes querido que estejam em descanso.

Veja as fotos

www.baciadojacuipe.com.br
 Por: Ediomário Catureba
Fé e Tradição marca a “Sexta-feira Santa” em Baixa Grande Fé e Tradição marca a “Sexta-feira Santa” em Baixa Grande Reviewed by VR14 on 20:55 Rating: 5

Destaque

Muita tradição e fé na Semana Santa em Mairi