Cooperativa Ser do Sertão ajusta detalhes para execução do projeto Práticas Agroflorestais Adaptadas as Mudanças Climáticas para Restauração no Semiárido




Durante esta sexta-feira, 23, aconteceu em Pintadas o evento do projeto Práticas Agroflorestais Adaptadas as Mudanças Climáticas para Restauração no Semiárido, projeto em execução pela Cooperativa Ser do Sertão em parceria com o WRI Brasil.

A atividade teve como objetivo capacitar 15 líderes de campo que atuaram realizando o levantamento das árvores frutíferas existentes nas comunidades do município de Pintadas.

Em entrevista ao VR14, Norma Leide Rios, diretora administrativa da Cooperativa, abordou os objetivos principais do projeto, com destaque para a restauração da caatinga, o fortalecimento da indústria de polpa de frutas da cooperativa, bem como o engajamento e inclusão de mulheres nas atividades produtivas.
  


"A ideia é fortalecer a indústria de polpas e também o envolvimento das mulheres nas atividades produtivas e principalmente a restauração da caatinga, esse que é o maior objetivo do projeto". Afirmou Norma Leide.

 Foi um dia de atividades, iniciando pela manhã com palestra sobre o cooperativismo, que contou com a presença da advogada Monique Britto do Sistema Oceb/Sescoop BA. A tarde, foram definidas ações que serão realizadas no campo, líderes de diversas comunidades do município estarão visitando propriedades rurais para realizar o levantamento das plantas frutíferas existentes.



 Nereide Segala, vice presidente da Cooperativa, em entrevista ao VR14, destacou a importância do debate sobre o cooperativismo e também sobre o debate, que segundo ela, é mais do que necessário, que diz respeito as mudanças climáticas.



 "Esse projeto é muito importante, ele vem trazer respostas tão aguardadas por todos em relação as mudanças climáticas, convivência e adaptação para geração de trabalho e renda". Destacou Nereide.


Veja Fotos:



















































































Cooperativa Ser do Sertão ajusta detalhes para execução do projeto Práticas Agroflorestais Adaptadas as Mudanças Climáticas para Restauração no Semiárido Cooperativa Ser do Sertão ajusta detalhes para execução do projeto Práticas Agroflorestais Adaptadas as Mudanças Climáticas para Restauração no Semiárido Reviewed by VR14 on 18:47 Rating: 5

Destaque

Muita tradição e fé na Semana Santa em Mairi