Consórcio Jacuípe discute a implantação de viveiros de mudas no território

O secretário executivo do Consórcio Jacuípe, Erivan Santos, e as técnicas do GAC, Camila Costa e Jandira Sousa, participaram de uma reunião ontem (terça-feira, 27) no Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos – INEMA, em Feira de Santana, onde discutiram a implantação de viveiros de mudas nativas no Território.

O objetivo do encontro foi ir além das atividades que está sendo executadas no território através do Programa Gestão Ambiental Compartilhada, buscando a implantação do viveiro de mudas com espécies nativas da região para a recuperação da paisagem natural de áreas degradadas, recaatingamento e preservação do meio ambiente.

Segundo Erivan, essa parceria com os órgãos competentes é muito importante para o fortalecimento do trabalho ambiental no Território.

 “Através do viveiro de mudas vamos poder plantar espécies nativas a exemplo de: umbuzeiro, umburana, pau d’arco, jurema, dentre outros, que contribuirão para a preservação do bioma da caatinga”, acrescentou o secretário.

A reunião contou com a participação de representantes do Consórcio Jacuípe, do INEMA, da Secretaria Estadual do Meio Ambiente – SEMA, do Comitê Estadual da Reserva da Biosfera da Caatinga – CERBCAAT, e da ECO-FEIRA.





Fonte ASCOM Consorcio Jacuipe


Consórcio Jacuípe discute a implantação de viveiros de mudas no território Consórcio Jacuípe discute a implantação de viveiros de mudas no território Reviewed by VR14 on 10:54 Rating: 5

Destaque

Muita tradição e fé na Semana Santa em Mairi