Paquetá Calçados demite trabalhadores em Ipirá, após pedido de recuperação judicial



Após o pedido de recuperação judicial pelo grupo calçadista, Paquetá, inicia-se demissões de trabalhadores, sobre alegações de está passando por momentos de dificuldades financeiras.

Fábricas da Paquetá, localizadas no Município de Ipirá, interior da Bahia, já vinham demitindo alguns trabalhadores desde o mês de dezembro do  ano de 2018, mas parcelando os pagamentos rescisórios, segundo informações do Sindicato da categoria. E nesta quarta (10/07/19) foram realizadas mais 13 demissões de trabalhadores da referida Empresa, porém com o agravante de que as verbas rescisórias só serão pagas em deposito judicial, carecendo aos demitidos entrarem com processo na justiça do trabalho.

Foi realizado um dialogo entre representantes da Empresa, Trabalhadores e Diretores do Sindicato da Categoria, realizado no salão de reuniões Sindical, estavam presentes representando a Paquetá o Advogado Marcio, e dois funcionários do RH, Arlete Silva e Cristiano do Sindicato da categoria e os trabalhadores demitidos, alguns dos funcionário demitidos falaram sobre seus sentimentos diante do ocorrido.

A Presidente do Sindicato da categoria, Arlete Silva, falou que a Empresa avisou de última hora sobre estas demissões e que mandaria para o Sindicato homologar, sendo que as outras demissões não estavam sendo enviadas para a entidade.

Apesar de a Empresa não pronunciar de forma oficial, o Advogado Marcio, falou sobre o momento e algumas dificuldades que a Empresa vem enfrentando para manter o quadro de funcionários e sobre estas demissões que ocorreram.


Fonte: Ipira Web

Paquetá Calçados demite trabalhadores em Ipirá, após pedido de recuperação judicial Paquetá Calçados demite trabalhadores em Ipirá, após pedido de recuperação judicial Reviewed by VR14 on 07:59 Rating: 5

Destaque

Muita tradição e fé na Semana Santa em Mairi