Nova Fátima: mais de dois mil títulos podem ser cancelados pela Justiça Eleitoral

 
Mais de quatro mil eleitores do município de Nova Fátima poderão ter seus títulos cancelados. Na cidade, que está em fase de revisão biométrica obrigatória, 2.258 cidadãos ainda não atenderam a convocação da Justiça Eleitoral. Conforme o TRE baiano, a suspensão do documento provoca outras diversas penalidades, a exemplo do impedimento de tirar passaporte ou carteira de identidade, tomar posse em cargo público e ter acesso a programas sociais. O prazo para regularização é 31 de outubro.

Em Nova Fátima, dos 7.170 eleitores aptos ao voto, apenas 4.912 (68,51%) realizaram a coleta dos dados. No decorrer deste ano, o TRE da Bahia realizou uma série de audiências públicas para alavancar o recadastramento eleitoral em 24 municípios do estado. O objetivo é biometrizar 100% dos eleitores para as Eleições Municipais de 2020.

Agendamento

A última fase da biometria no estado, prioriza o agendamento, que pode ser realizado por meio de site (agendamento.tre-ba.jus.br) ou telefone 0800 071 6505. Para agendar, o número do título será solicitado. Caso não possua a inscrição eleitoral ou não saiba o número, o eleitor deve informar número do CPF, data de nascimento e nome completo dos pais. O cidadão também pode cadastrar o número de telefone e e-mail. Esses últimos dados são importantes para que o eleitor receba confirmação e lembretes do agendamento.
Nova Fátima: mais de dois mil títulos podem ser cancelados pela Justiça Eleitoral Nova Fátima: mais de dois mil títulos podem ser cancelados pela Justiça Eleitoral Reviewed by VR14 on 13:59 Rating: 5

Destaque

Muita tradição e fé na Semana Santa em Mairi