Prefeito de Salvador veta projeto de lei que proíbe o arrastão da quarta de cinzas


O prefeito ACM Neto vetou, nesta quarta-feira (13), o projeto de lei que proíbe o tradicional arrastão da quarta-feira de cinzas em Salvador. O PL foi aprovado pela Câmara de Vereadores no dia 11 de setembro deste ano.

"Este veto não tem relação nenhuma com análise política. Ele tem apenas o fundamento jurídico", disse o prefeito.

A decisão foi divulgada pelo prefeito durante coletiva no Palácio Thomé de Souza. O projeto previa a proibição da realização de qualquer outro evento parecido usando trios elétricos, palco fixo ou móvel em locais públicos de Salvador, durante a quarta-feira de cinzas.
"O projeto é claramente inconstitucional. Por ferir a liberdade de expressão, por ferir um princípio que está na cláusula pétrea da Constituição que é o estado laico", complementou ACM Neto.

O projeto previa multa de R$ 500 mil em caso de descumprimento da determinação por artistas, grupos musicais ou quem organizar o arrastão. O dinheiro arrecadado serviria para conservar, recuperar e melhorar prédios religiosos do município.

Na câmara de vereadores, o projeto – de autoria do vereador Henrique Carballal (PV) – foi aprovado por 38 votos a favor, 2 contra e 1 abstenção. O motivo para a proibição seria a incompatibilidade com o início da quaresma, período que antecede a páscoa cristã.

Logo após a aprovação da Câmara, o prefeito ACM Neto declarou que o arrastão não afeta tradição católica.

Arrastão da quarta de cinzas

A festa que marca a pós-folia do carnaval de Salvador foi criada em 1995 pelo cantor Carlinhos Brown. O arrastão surgiu, inicialmente, para possibilitar que as pessoas que trabalhassem no carnaval pudessem curtir após a festa.

No entanto, ao longo dos 24 anos de existência, o evento agregou os foliões que resolvem aproveitar até o carnaval até o final. A festa é realizada no circuito Dodô (Barra-Ondina), na orla de Salvador, uma das principais rotas da festa.

Além de Brown, diversos artistas já participaram da folia, como Ivete Sangalo, Daniela Mercury, Claudia Leitte, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Márcio Victor com a banda Psirico e Alinne Rosa. No entanto, nos últimos anos, os artistas mais tradicionais se afastaram do arrastão.

Em 2018 e neste ano, o comando da festa ficou por conta do cantor Léo Santana, que, junto com Danniel Vieira, agitou milhares de pessoas.

Fonte: G1 Bahia
Prefeito de Salvador veta projeto de lei que proíbe o arrastão da quarta de cinzas Prefeito de Salvador veta projeto de lei que proíbe o arrastão da quarta de cinzas Reviewed by Jorge on 07:25 Rating: 5

Destaque

Muita tradição e fé na Semana Santa em Mairi